1 2 3 4 5 6
0

Alice é internada.

Minha mãe ficou me fazendo companhia o dia todo na segunda, depois que o Fabiano largou serviço passou no hospital para nos ver e foi embora, no outro dia de manhã teríamos alta, no dia 06/04/2011. Então chega segunda de manhã, e eu louca para ir embora, eram umas 10 da manhã, a ginecologista obstetra passou e me deu alta, mas tinha que esperar a pediatra para dar alta para a Alice, ficamos esperando um bom tempo, e meu pai e meu irmão no estacionamento esperando, a pediatra passou e disse que a Alice estava com um pouquinho de icterícia , pediu para dar banho de sol e blah blah blah e deu alta , arrumamos tudo correndo  ,mesmo de alta, tínhamos que esperar uma enfermeira para acompanhar ate o outro andar que era a portaria , só que eu e minha mãe estávamos tão a vim de ir embora que não esperamos, e descemos sem enfermeira mesmo , nesse momento a Alice estava no colo do meu irmão , chegamos na portaria e o segurança disse que tínhamos que esperar a enfermeira ficamos esperando, enquanto esperava peguei a Alice no colo , notava que ela dava uns arranquinhos , que na medida que aumenta a luz e barulho aumenta a frequência dos “arranquinhos” , achei estranho , mostrei minha mãe e resolvemos subir e mostrar a pediatra , ela olhou achou estranho , médica novinha , inicio de carreira , disse que nunca tinha visto algo parecido , gelei na hora ,ela disse que teríamos que ficar mais algumas horas para fazer exames , morri de raiva , queria tanto colocar a Alice no bercinho dela , mas tudo bem , tivemos que trocar de quarto , dessa vez tinha outra pessoa no quarto , uma mamãe e uma bebe tomando banho de luz , e eu e a Alice , como era menor de idade ,minha mãe ficou me acompanhando , veio a enfermeira tirar sangue da Alice , eu quase desmaiava , minha mãe e meu irmão resolvendo tudo , e só eu pra segurar a Alice , para segurar foi fácil , ai na hora que a enfermeira pediu para eu segurar o algodão para estancar o sangue , eu segurei fraco e começou vazar sangue , comecei a chorar e sai do quarto ,liguei pro Fabiano desesperada contando , e minha mãe chegou, teve que furar Alice de novo para tirar sangue , quase morria de desespero , tirou o sangue , esperamos algumas horas pelo resultado e a noticia de que estava Tudo normal com ela, mas a pediatra ficou com medo de dar alta, e disse que tinha que esperar a neuropediatra chegar e avaliar, e que ia pedir uma ultrassom transfontanela, que faz na mulerinha da criança, no outro dia era feriado 07 de setembro, e eu desesperada para ir embora, Fabiano chegou ficou um pouco e teve que ir embora pq tinha acabado o horário de visitas, no outro dia ficamos aguardando o exame e nada , era obvio que não ia fazer exame no feriado , eu chorava , queria muito ir embora , meu peito direito rachou chegou sair sangue , dava de mamar só no peito esquerdo mas sarou rapidinho , a neuropediatra chegou , olhou os reflexos dela estava tudo bem graças a deus , mas mesmo assim tinha que fazer a ultra , no outro dia  ,umas 8 da manhã , chega um enfermeiro com uma cadeira de rodas  pra me levar com a Alice para fazer o exame dela , achei super horrível , podia ir andando , mas era recomendação do hospital , fizemos a ultra , minha mãe que segurou ela , ela não chorou nem nada , estava tudo normal graças a deus , voltamos para o quarto a neuropediatra explicou que eram espasmos ,normais , pq o sistema nervoso estava se acostumando com tanto espaço fora do útero , e com luz e barulho começava, quando estava calminho ela não dava , quando saia no barulho e luz ,q começava , mas não era todas as vezes , em 1 hora dava cerca de 3 arranquinhos , como se estivesse dormindo e assustasse , mas um sustinho fraco , ai a pediatra saiu do quarto  e voltou dizendo que uma enfermeira ouviu um soprinho no coração da Alice , e que tinha que fazer um ecocardiograma , ôh raiva daquela vaca , tava era querendo ganhar dinheiro nas minhas custas fazendo um exame atrás do outro , ai desesperei .(detalhe:Fabiano tinha chegado quando tínhamos descido para fazer a ultra),chorei  de novo , a pediatra disse que só ia fazer o exame no Outro dia.Minha mãe super preocupada com a situação chamou a pediatra e disse que queria assinar um termo de responsabilidade pra irmos embora e marcar o ecocardiograma para a Alice, a pediatra disse que só chamando a policia, ooo ódio, e eu só Chorava. Passou-se uns 30 minutos chega o enfermeiro de novo com a cadeira de rodas, já ia fazer o exame da Alice, fui toda animada, descemos, Fabiano segurou a Alice, nesse exame ela chorou por causa do gel geladinho no peito, e mais uma vez tudo normal graças a deus. Subimos e a pediatra veio, deu alta e disse: ela tem um pouco de icterícia vocês vão ter que voltar para trazer ela para reavaliar, aquela vaca tava fazendo hora comigo, ficamos 2 dias a mais no hospital atoa por causa dela.Cheguei , liguei no convenio , marquei o pediatra mais experiente que tinha , marcou para 6 dias depois , o pediatra disse que é normal , perguntou se estava aumentando , disse que não , disse que Alice nasceu supeer saudável , e que não tinha que me preocupar com nada, fiquei  aliviada .Depois , conversando com a minha prima ela disse que a filha dela dava a mesma coisa e que na maternidade a médica explicou que era normal , conclusão:a medica me segurou no hospital atoa.uma maternidade particular e ótima com uma médica daquela .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Alice e eu agradecemos pela visita e comentario,volte sempre!

Princesa